Eneagrama e Meditação

As 9 faces do Silêncio.

São inúmeros os efeitos positivos da meditação. Também todos reconhecemos os desafios naturais no inicio da sua prática. Neste artigo venho trazer-lhe uma reflexão dos desafios de cada um dos perfis de personalidade segundo o Eneagrama e como cada um deles poderá agir de forma a que a sua prática se torne mais serena e continuada.

Vou assim explorar os 9 perfis e a forma como cada um deles lida com o silêncio e a meditação. Veja em qual você mais se revê e compreenda como essa prática pode contribuir para o seu ainda maior equilíbrio.

Perfil tipo do Eneagrama, o perfeccionista. A meditação é uma prática essencial para o perfil de personalidade perfeccionista como forma de acalmar o seu critico interno e a tenção física e emocional que daí decorre. Na sua prática a procura da postura e da forma “perfeita” de meditar condiciona a prática do silêncio e traz à prática o seu critico interno, comprometendo o seu efeito. Para uma pratica meditativa o perfil perfeccionista deverá praticar a paciência, a gratidão e a atenção na constante evolução da sua prática e do seu equilíbrio emocional no dia a dia.

Para o perfil tipo 2, o prestativo, meditar traz directamente ao seu crescimento pessoal numa procura de contacto consigo mesmo, segundo as linhas do Eneagrama (movimento 2-4). O desafio é que esse processo não esteja a ser feito para apoiar alguém ou que sirva como elo de relação de proximidade emocional a outras pessoas. Deverá estar atento a essa armadilha. O ideal será que a prática seja efectuada a sós. Caso o faça em grupo opte por chegar uns minutos antes e permanecer em silêncio já no espaço, evitando a relação e interação emocional com outros participantes.

Tipo 3, o motivador e desempenhador. A meditação para o perfil tipo 3 é uma oportunidade de estar em contacto consigo mesmo em vez das suas concretizações”, entrando em contacto com o seu Ser e as suas reais vontades. Um dos grandes desafios é compreender que não fazer nada é por si só fazer algo muito importante, combatendo o desafio dos tipo 3 de lidarem com a necessidade de estar sempre em modo ação.

Para o perfil tipo 4, o romântico, a meditação significa não exaltar o seu centro emocional e viver momentos de equilíbrio. O desafio é deixar de estar associado e dependente do seu estado emocional. É por isso essencial compreender que a verdadeira experiência emocional é viver no seu equilíbrio e não no excesso do seu extremo.

O tipo 5, observador e analítico, garante com a meditação uma conexão consigo mesmo que lhe permite reconhecer-se como ser completo, não só emocional. O desafio para este perfil é, não aproveitar a meditação para se desligar ainda mais do mundo, mas que ela lhe permita uma maior proximidade e compreensão emocional.

Para o perfil tipo 6, o precavido, a meditação é a oportunidade suprema de acalmar os seus pensamentos e os seus cenários mentais. Serão igualmente o desafio a superar. Essencialmente é crucial que o processo seja simples de forma a evitar que a mente se apodere do processo e o condene.

O perfil tipo 7, o entusiasta, estar em processo meditativo representa o oposto ao seu v/cio da actividade e de estimulação intelectual. O processo meditativo é facilitado quando em contacto com a natureza, reduzindo o seu ritmo e sendo influenciando pela calma exterior. É essencial que se desafie a um pequeno momento de silencio meditativo e em seguida ir acrescentado pequenos momentos. Passo a passo. Esse exercício de crescimento e serenidade irão trazer uma maior profundidade, essencial ao equilíbrio da personalidade entusiasta e chave na prática meditativa.

Para o perfil tipo 8, o confrontador, a meditação traz uma constatação do seu ritmo exagerado e uma consciência clara da sua energia pouco controlada. O impulso para agir ficará evidente na prática meditativa. Será uma ajuda crucial para compreender e reduzir o seu ritmo e com isso no dia a dia aprender a fazer mais pausas antes de agir sem pensar e a sentir mais controlo na ação e na tomada de decisões.

O perfil tipo 9, o pacificador, pode com a meditação ter acesso a toda a sua energia, que tantas vezes procura ignorar. Observar-se em silêncio, sem sentir a necessidade de se esquecer de si mesmo ou perder-se no ambiente, é o desafio essencial que deverá superar através da prática. No dia a dia trará mais consciência do seu corpo, das suas emoções e das vontades.

Se quer saber mais sobre o Eneagrama nos mais diferentes aspectos da sua vida mas ainda não descobriu a seu personalidade, no site da Eneacoaching tem oportunidade de fazer o teste de Eneagrama gratuitamente.

Basta clicar neste link: http://eneacoaching.com/teste-eneagrama/

Espero que este artigo lhe ajude a compreender como a meditação e o silêncio podem melhorar ainda mais o seu equilíbrio pessoal e profissional.

Grande Abraço,

Eduardo Torgal.