5 Razões para identificar as personalidades antes de começar qualquer processo de coaching.

Na profissão que escolheste vais trabalhar as características e capacidades individuais, ajudando a superar dificuldades e limitações de vária espécie.

É por isso essencial conheceres detalhadamente o aspecto psicológico dos teus clientes, identificando as personalidades antes de qualquer processo de coaching.

Uma das mais eficazes ferramentas para acederes ao estudo da personalidade de qualquer pessoa é recorrendo ao Eneagrama.

 

O que é afinal esse conceito, e quais as razões porque deves utilizá-lo no coaching?

 

O Eneagrama (símbolo de 9 pontas composto por círculo, pirâmide e hexade) é utilizado em nas mais diferentes áreas de desenvolvimento pessoal e até mesmo empresarial para distinguir personalidades.

São 9 os diferentes tipos de personalidade: perfeccionista, prestativa, motivadora/desempenhadora, romântica/idealista, observadora/analítica, precavida, entusiasta, confrontadora e pacificadora. Sobre isso tens aqui muito material no nosso site.

Enquanto bom profissional precisarás de determinar com certeza em qual desses tipos se encaixa cada um dos teus clientes. Até porque isso transformará definitivamente a tua abordagem como Coach.

#1 Estabelecer padrões de coaching convenientes

Não podes esquecer que cada cliente é um caso único, constituindo uma personalidade distinta de todas as outras e com todas as suas histórias e vivências. No entanto existem alguns pontos comuns em pessoas com semelhantes características de personalidade. Essas semelhanças nos comportamentos podem muitas vezes levar a alguns erros de identificação. Motivo pelo qual deveremos manter a maior atenção e serenidade nesse processo.

Definindo o tipo predominante de personalidade do coachee, estabelecerás um padrão de estratégias mais eficazes para essa pessoa em particular. Seguindo esse padrão alcançarás maior sucesso na tua metodologia de trabalho, atingirás melhores resultados em tempo mais reduzido e mais importante, isso dará resultados mais sustentados ao teu cliente.

#2 Evitar métodos de coaching infrutíferos

Quanto mais rapidamente começarem a surgir os bons resultados, maior será o envolvimento do cliente e maior o êxito duradouro dos resultados.

Para seres realmente bem sucedido não deves perder tempo com métodos inúteis para cada caso concreto.

Isso levar-te-à a colocar de lado expedientes desajustados nas diferentes situações.

 5 Razões para identificar as personalidades antes de começar qualquer processo de coaching.
5 Razões para identificar as personalidades antes de começar qualquer processo de coaching.

#3 Conduzir à consciência da personalidade

Não há transformação sem consciência.

É essencial que o cliente adquira noções detalhadas sobre si mesmo, compreender os seus talentos, e sobre formas de superar as limitações da personalidade.

O auto-conhecimento é uma fundamental mais valia proporcionada pelo teu trabalho, e o estudo das personalidades é de vital importância.

Quem se conhece avalia as próprias reacções, e determina mais acertadamente as respostas e necessidades concretas ao longo da vida.

Apurar o estudo da personalidade de forma equilibrada e realística facilita muito o auto-conhecimento e o consequente processo de transformação.

#4 O Eneagrama aumenta a eficácia das sessões 

Enquanto coach precisas de antecipar as dificuldades a superar, e que serão entraves à consolidação do teu sucesso profissional.

Conhecer as características da própria personalidade assume toda a importância quando se lida com sentimentos alheios.

A tua própria personalidade pode ter um relevante papel na condução das tuas sessões.

Procura saber mais sobre ti mesmo, e verás como as tuas sessões serão potenciadas ao máximo.

#5 Resultados Duradouros do Coaching

Não importa apenas que o coachee encontre uma forma rápida de se tornar numa pessoa melhor sucedida a nível profissional. Importa que esses resultados positivos sejam de carácter duradouro, para que as mudanças implementadas possam ser de facto decisivas.

Estudar a personalidade é a melhor forma de contribuir para esse objectivo.

Os melhores resultados não são os mais sensacionalistas, mas aqueles que perduram ao longo de toda uma vida.

Determinar se a pessoa é predominantemente instintiva, emotiva ou intelectual é decisivo para o trabalho de coaching.

Antes que penses em alinhavar qualquer método de trabalho, define a personalidade dos teus clientes. Multiplicar os caminhos possíveis a percorrer, e solucionar dificuldades são tarefas que carecem de fortes alicerces.

Não hesites por isso em personalizar as técnicas durante as tuas sessões.

Grande Abraço,

Eduardo Torgal.